Papo de cinema

Aproveitando que hoje é domingo, dia internacional da preguiça, aquele dia que bate uma vontade imensa de ficar na cama, alternando entre comer, dormir e ver TV, vou dar uma dica de filme. Vou tentar fazer isso toda semana, apesar de não ser cinéfila, toda semana tento buscar algo novo para assistir.

A dica de hoje é o filme Mesmo se nada der certo (Begin Again), de 2014, com Keira Knightley, Mark Ruffalo e Adam Levine.

O filme conta a história de uma inglesa (Keira Knightley), cantora e compositora, que entra em crise após o namorado americano (Adam Levine), o qual começa a se tornar um cantor famoso, terminar com ela. Então ela acaba conhecendo um produtor musical em decadência (Mark Ruffalo), que também não está vivendo uma fase boa, e, a partir daí, eles começam a dar a volta por cima. Mas gente, o filme não é clichê, não vou contar muito para não perder a graça. A questão é que ele passa uma mensagem tão legal para gente, tem um final tão gostoso de assistir, que eu fiquei encantada. Você percebe que dá para ser feliz mesmo quando as coisas não ocorrem exatamente como planejado e que a vida traz algumas surpresas que podem ser melhores do que imaginávamos.

Veja o trailer abaixo:

É um filme leve, interessante e deixa a gente com uma sensação boa quando acaba. Como o filme gira em torno do meio musical, ele tem uma trilha sonora deliciosa. A música principal é a “Lost Stars”, interpretada pelo Adam Levine, que inclusive concorreu ao Oscar 2015 na categoria de Melhor Canção, e a apresentação do Adam no Oscar fez muito sucesso.

E para terminar segue o vídeo da música Los Stars